Para se tornar advogado, todo estudante de Direito precisa enfrentar a temida prova da OAB.

Conhecida por altos índices de reprovação, os bacharéis têm, cada vez mais, investido na preparação para o exame.

No post de hoje, vamos falar sobre a melhor forma de estudar — se por meio de um curso preparatório para OAB ou por conta própria. Acompanhe.

Por que devo me preparar para o exame da OAB?

Como dissemos, a prova da OAB é conhecida pelos altos índices de reprovação, portanto, não é um teste simples.

Além disso, há de se considerar que, sem a aprovação no exame, o bacharel não pode exercer a profissão de advogado, o que o impede de acessar cargos melhores e concursos públicos com salários mais elevados.

E não podemos esquecer do abalo psicológico que os candidatos sofrem com a reprovação. Não é raro encontrarmos pessoas que, após falharem no certame, sentem-se tão frustradas que evitam tentar outra vez, adiando, assim, a conquista do título.

Devo fazer um curso preparatório para OAB?

Essa é uma dúvida recorrente entre os estudantes e bacharéis de Direito. Muitas pessoas não querem gastar dinheiro com mais cursos e acabam optando pelo estudo desacompanhado.

No entanto, antes de decidir, é importante levar em consideração questões como as que elencamos abaixo.

Como é sua rotina?

Leve em consideração a sua rotina. Se você não tem dedicação exclusiva para os seus estudos e precisa dividir a sua atenção com o trabalho e, muitas vezes, até com o final da faculdade, é interessante cogitar o curso preparatório para OAB.

O motivo principal é que as aulas vão ajudá-lo a organizar o seu tempo e a focar na matéria conforme ela costuma ser pedida na prova, além de garantir uma maior motivação por ter outras pessoas estudando com você.

Agora, se você tem a possibilidade de dedicar o tempo integral aos seus estudos, pode tentar fazê-lo sozinho, basta que você saiba se organizar.

Como é sua disciplina?

Nessas horas, você deve ser sincero consigo mesmo e avaliar se tem disciplina o suficiente para encarar os estudos sozinho sem perder o foco.

Se a resposta for não, o melhor a ser feito é ir em busca de um curso preparatório que o auxiliará com o seu plano de estudos.

Agora, se você é um estudante disciplinado, pode se preparar sozinho revisando as matérias aprendidas na faculdade.

Você tem com quem tirar dúvidas?

Um dos pontos positivos do curso preparatório para OAB é ter um corpo docente à sua disposição sempre que você tiver alguma dúvida.

Se você já se formou e não tem mais acesso aos professores da faculdade, por exemplo, pode ficar perdido em diversos momentos.

Além disso, nos cursos, há uma didática diferenciada que auxilia o aluno a memorizar conceitos de uma forma mais simples do que na universidade.

Como escolher o curso preparatório para OAB?

Há diversas opções no mercado de curso preparatório para OAB e, para escolher o melhor, você deve analisar o seu perfil.

Atualmente, existem cursos presenciais para quem sente a necessidade de ir até a escola, estar em contato com outros colegas, conversar com os professores e não tem muita disciplina para estudar sozinho.

Por outro lado, também é oferecida a possibilidade de cursos on-line para quem precisa de maior flexibilidade de tempo, mora em um local distante e tem disciplina para estudar sozinho, mas deseja uma equipe para auxiliar caso surja alguma dúvida.

Se você se interessou em fazer um curso preparatório para OAB, entre em contato conosco e conheça as nossas opções.

Comments

comments

Responsável pela coordenação dos projetos, cursos preparatórios e eventos relacionados aos cursos de 1ª Fase da OAB do CEISC. Editora e criadora de conteúdo web e inbound marketing.