O Blog OAB na Veia oferece conteúdos gratuitos para você aprovar na OAB. Com conteúdos para a 1ª e a 2ª Fases, você encontra dicas e explicações sobre o que fazer para alcançar seus objetivos na prova. Como as dicas de estudos, que irão ensinar você a se organizar para estudar, driblar o nervosismo e como aplicar novas metodologias. Além disso, as análises dos editais explicam que forma a banca cobra os conteúdos na prova e, também, as principais datas do Exame. Ademais, as notícias deixam você por dentro de todas as novidades sobre as questões polêmicas e outras novidades da FGV. Como interpor recurso, assuntos mais cobrados e por onde começar a estudar são algumas das orientações que os leitores do OAB na Veia têm. Por isso, você não pode deixar de nos acompanhar!

Medo da reprovação na OAB? Veja como superar!

É completamente normal ter medo da reprovação na OAB. Sabemos que a pressão para conseguir passar no exame é grande para a maioria dos candidatos, gerando desconforto e ansiedade nas pessoas que vão prestar a prova.

Quando a prova se aproxima, esse medo pode se tornar ainda maior, visto que o tempo vai diminuindo e a hora decisiva está para chegar. Se você se encontra nessa situação, fique tranquilo, é normal que isso aconteça.

Porém, é preciso fazer um trabalho para que esse medo não domine a sua mente e atrapalhe os seus estudos, além do seu desempenho no momento da prova. Para isso, preparamos aqui algumas dicas para superar o medo da reprovação na OAB. Continue a leitura!

Tenha uma mentalidade positiva

Antes de mais nada, é preciso ter uma mentalidade positiva. Saiba que o medo de reprovação na OAB começa quando há um pensamento negativo, reforçando na sua cabeça que não importa o que você faça, ela acontecerá.

Então, é momento de criar uma realidade diferente por meio da mentalidade positiva, dizendo para si mesmo que vai conseguir ser aprovado e também acreditando que isso vai acontecer de fato. Pode parecer apenas um detalhe, mas esse é um passo muito importante que guiará as suas ações para ter o melhor desempenho no momento do exame. 

Tenha hábitos saudáveis

É óbvio que a preparação para o exame da OAB dependerá muito de estudo e foco, que são coisas que estão ligadas com a sua cabeça e a sua mente, mas saiba que é preciso que o seu corpo esteja bem para criar esse cenário em que tudo possa funcionar.

Sendo assim, é imprescindível ter hábitos saudáveis. Estamos falando de comer bem, fazer atividades físicas e, até mesmo, ter momentos de lazer para desligar um pouco dos estudos a fim de ter uma vida com mais qualidade.

Entenda que você não é uma máquina que funciona 24 horas, por isso, é importante prezar pelo seu bem-estar, de modo a ficar com mais energia, menos desânimo, além de ajudar a perder o medo da reprovação na OAB.

Tenha consciência das suas conquistas

Se o medo da reprovação na OAB aparecer, apenas pare e reflita sobre o que você conquistou até agora. Isso é algo simples, mas ajuda muito a acalmar a mente, uma vez que traz uma reflexão muito positiva.

Nesse momento, não deixe de valorizar a graduação que foi ou está sendo alcançada, por exemplo. Pense, também, em coisas que fez e que trazem orgulho para o seu ser. Ao ter esse pensamento, perceba que você terá muito mais clareza do que fazer quando esse medo bater.

Lembre de respirar

Por fim, a nossa última dica é que você não esqueça de algo importante: respirar. É muito comum, nos momentos de tensão, esquecermos de respirar de forma fluída, o que acaba deixando o nosso corpo ainda mais tenso.

Então, crie a consciência para lembrar de respirar sempre, principalmente nos momentos difíceis em que o medo aparece.

Saiba que com essas dicas para superar o medo da reprovação na OAB, é possível levar uma rotina de estudos tranquila e saudável. Além disso, é importante que você não se culpe por sentir medo, pois é perfeitamente possível superá-lo e fazer uma boa prova.

E você? Ficou com alguma dúvida ou tem mais dicas para recomendar? Compartilhe conosco. Deixe um comentário!

Como controlar a ansiedade pelo resultado da OAB? Veja 4 dicas aqui!

Esperar a nota do exame de ordem não é um momento fácil, afinal foram vários meses de preparação e estudos para essa hora. Mas é possível controlar a ansiedade pelo resultado da OAB? Ficar ansioso nessa hora causa diversos problemas: falta de sono, mal-estar, redução da concentração etc., por isso é fundamental achar formas de reduzir esses sintomas e ficar mais tranquilo.

Pensando nisso, a seguir mostramos 4 dicas para fazer isso de forma fácil e saudável. Boa leitura!

1. Praticar atividades físicas regularmente

Uma das formas mais fáceis de controlar a ansiedade pelo resultado da OAB é praticar atividades físicas regularmente. Como isso é uma prática relativamente fácil de encaixar na rotina, é comum se adotar isso para minimizar o nervosismo.

O exercício físico é um redutor da ansiedade porque eleva a produção do neurotransmissor serotonina, que é uma substância que aumenta a sensação de prazer e satisfação.

Entretanto, é claro que isso não funciona com todas as pessoas: para algumas, praticar exercício não é uma atividade que traz prazer, e também há aqueles que têm alguma limitação de mobilidade e problemas físicos.

Por outro lado, uma boa forma de incorporar essa atividade no dia a dia é caminhar de três a quatro vezes por semana, durante meia hora. Além de ser um exercício físico relativamente fácil de fazer, ele traz tranquilidade.

2. Evitar pensamentos negativos

Outra forma eficiente de controlar a ansiedade, mas que pode ser um pouco mais difícil de colocar em prática é evitar os pensamentos negativos ou catastróficos do tipo “minha vida vai acabar se eu não passar na OAB”.

É fundamental ser realista em relação à gravidade do pior cenário, a reprovação na OAB. Isso porque sempre é possível fazer a próxima fase. Além disso, também há possibilidade de participar da repescagem e ter uma preparação melhor.

Mesmo assim, vale lembrar que continuar com esses pensamentos negativos na cabeça acaba trazendo algumas respostas prejudiciais no corpo e na mente. Portanto, quando surgir o pensamento de que você não irá ser aprovado na OAB tente imediatamente tirar isso da cabeça e pensar em outras coisas mais positivas e não se desesperar com a possibilidade de resultado negativo.

3. Aprender a controlar a respiração

Controlar a respiração com as técnicas corretas ajuda a diminuir as reações negativas do sistema nervoso autônomo, causando bem-estar e diminuição da ansiedade e nervosismo.

Para fazer isso, inspire lentamente pelo nariz e deixe a boca fechada: aqui é importante expandir o abdômen e não o peito. Depois deve-se expirar controladamente, expelindo o ar com a boca.

Essa respiração diafragmática ajuda a controlar a taquicardia, tremores, mal-estar do sistema nervoso e a ofegância. Isso reduz os problemas com ansiedade e seus sintomas.

Se for possível encontrar um local silencioso e calmo, você pode procurar por técnicas de relaxamento para fazer diariamente. Isso também ajudará a controlar o nervosismo.

4. Distrair-se com outras coisas

Uma boa dica para controlar a ansiedade na espera pelo resultado da OAB é distrair-se com outras coisas. Como já falamos, a atividade física é uma dessas possibilidades mas tente também ouras formas de lazer.

Saia com os amigos, curta momentos com a família, invista naquele hobby que estava meio esquecido, enfim, ocupe a sua cabeça com ouras coisas fora do meio jurídico.

Isso ajuda a “esquecer” a ansiedade pelo resultado e trará outros benefícios emocionais para você. É muito importante ter momentos para relaxar a cabeça e realizar atividades mais prazerosas.

Conhecer esses quatro meios de controlar a ansiedade pelo resultado da OAB fará muito bem para você: o nervosismo atrapalha vários aspectos do dia a dia e poder amenizar isso é muito bom. Não esqueça que uma boa preparação para a prova também ajuda consideravelmente na sua tranquilidade nessa hora.

Gostou das nossas dicas para reduzir a ansiedade? Por que você não entra em contato conosco para conhecer todos os nossos cursos para ter uma ótima preparação da OAB?

Fique por dentro das peças mais cobradas na OAB e como estudar

Já iniciou os seus estudos para a 2ª Fase da OAB? Neste texto elencamos as peças mais cobradas em cada área do Exame! Assim, você poderá focar os seus estudos e revisões naquelas que são mais importantes. Boa leitura!

Curso de repescagem OAB: descubra como se preparar!

Um curso de repescagem OAB é uma excelente oportunidade para aqueles que foram aprovados na primeira fase mas reprovaram, foram ausentes ou eliminados da segunda. Nesses casos, é possível optar pela repescagem, realizando novamente a prova prática.

É importante utilizar essa oportunidade para fazer uma boa preparação, principalmente por meio de um Curso de repescagem OAB, que é oferecido com foco nessa prova de acordo com o edital de reaproveitamento da segunda fase.

Para facilitar esse momento, neste texto, mostramos a importância de fazer uma boa preparação e como você deve estudar para a repescagem. Continue a leitura!

Qual é a importância de uma boa preparação para a repescagem?

Fazer uma boa preparação para a repescagem OAB é fundamental para que o candidato tenha mais segurança na hora da prova. Muitas vezes, o edital é lançado antes de serem divulgados os resultados dos recursos da prova anterior.

Sabendo disso, muitos alunos abaixam o rendimento nos estudos ou mesmo deixam de estudar completamente. Não cometa esse erro! É muito importante que você continue sua preparação com muito foco e disciplina, afinal o recurso nem sempre é julgado da forma que se espera.

Aqui é uma boa hora para analisar quais foram seus erros na prova anterior e focar nas áreas em que há mais dificuldade — identificação da peça processual, problemas na argumentação e utilização de base legal, qualificação etc.

Veja o que errou, qual era a resposta correta de acordo com a divulgação da banca e tente se aprofundar nesses assuntos. Dessa forma, você terá mais segurança na repescagem e poderá ter um aproveitamento melhor!

É possível mudar de disciplina na repescagem da OAB?

Uma dúvida muito comum entre os candidatos da OAB que farão a repescagem é se é possível alterar a disciplina para segunda prova. Sim, é possível fazer a mudança da matéria para realizar a segunda fase novamente.

Nessa hora, é preciso pensar com carinho: lembre-se que, se você alterar o assunto, sua preparação começa praticamente do zero. Será preciso estudar novamente o cabimento das peças, os artigos mais importantes, o direcionamento e outras questões.

Então pense bem antes de fazer essa alteração. Se os erros foram pontuais ou por falta de atenção na prova anterior, alterar a disciplina pode não ser uma boa ideia, afinal você já domina a matéria e só precisa trabalhar melhor a ansiedade e o foco.

Vale lembrar, também, que é possível mudar a cidade em que o exame será prestado, se isso for melhor para você. A mudança do estado, contudo, só é permitida com a autorização da Coordenação Nacional do Exame de Ordem.

Como se preparar para repescagem do Exame da Ordem?

Como falamos, uma boa preparação para a repescagem do Exame da Ordem é focar nos erros que foram cometidos na prova anterior, de modo a identificar as suas dificuldades e matar essas questões para a segunda fase.

Mas não é só isso que você deve fazer. A preparação para a repescagem exige um estudo a fundo da matéria, assim como no exame anterior. É essencial não deixar passar nada, afinal a prova será diferente, e podem cair assuntos que ainda não foram vistos.

Quem se ausentou ou foi eliminado na segunda fase também pode fazer a repescagem. Sendo assim, dê uma olhada na primeira prova e veja se conseguiria uma boa nota, analisando tudo o que caiu e que você tem dificuldades.

A dica de ouro aqui é contar com um curso de repescagem OAB, como os que o CEISC oferece. Eles trazem dicas fundamentais para essa hora e são muito importantes para uma boa preparação, tendo em vista que focam exclusivamente nessa prova, oferecendo um bom direcionamento e estudo estratégico para você.

Conseguiu entender melhor como funciona a repescagem OAB e como um curso pode ajudar na preparação?

Então confira as nossas aulas abertas para essa prova e não perca tempo no estudo!

Saiba por que a questão de Constitucional deveria ter sido anulada

Após o resultado definitivo, é hora de ver quais as questões que foram anuladas no Exame de Ordem. Infelizmente, na edição do Exame XXX não tivemos nenhuma outra anulação. Veja os preceitos jurídicos e razões para que a questão de Constitucional fosse anulada indiscutivelmente.